Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Crónicas do mundo do trabalho #8

por Antero, em 07.11.09

Estou cansado. Organizar uma Feira é sempre cansativo, ainda mais com jornadas de 10 horas de trabalho diárias (Sábado e Domingo incluídos), assistir à montagem, estar presente e as viagens de um lado para o outro. É um tremendo desgaste físico e psicológico. Por isso é que aqui o estaminé começou a ganhar teias de aranha, algo que tentarei limpar nos próximos dias (embora não prometa nada).

 

Mas até que o evento correu bem e passou rápido. Vir a Lisboa é sempre um prazer, embora o trânsito caótico e a agitação típica de uma capital sejam de dispensar. À noite, tempo para relaxar com as poucas forças que restam e conviver com os colegas. Um italiano quarentão, representante de uma empresa colaboradora da minha já queria arrebitar para o Bairro Alto, algo que recusei na hora devido ao cansaço e ao facto de ter de acordar cedo no dia seguinte. Gosto deste tipo de descontração. Engravatados e sisudos como se vê aos montes neste tipo de eventos não são para mim.

 

Uma rapariga que controlava as entradas e saídas (e que já nem me verificava a acreditação, tal era o meu constante entra-e-sai do pavilhão) perguntou-me se eu era engenheiro informático, uma vez que não estava de fato e agia sempre de forma descontraída. Achei piada e disse que não era, mas que estava relacionado com computadores (com o tempo aprendi que é complicado explicar às pessoas o que é um Técnico de Multimédia, embora às vezes tenha as minhas próprias dúvidas), ao que ela retorquiu: "é que não é muito normal ver aqui uma pessoa sem fato ou, digamos, sem estar vestida para a ocasião e com cartão de expositor". Apeteceu-me perguntar, em tom de brincadeira, se ela achava que eu estava mal vestido, mas o facto é que ela (e eu) estávamos a trabalhar, então achei por bem apenas sorrir e dizer: "assim até chamo mais à atenção para o meu stand".

 

Adiante. Amanhã volto para cima para mais uma semana de trabalho intenso (ao contrário do que se pensa, os dias a seguir a este tipo de acontecimentos são de muito trabalho de organização de informações e contactos recolhidos) e, no final, umas merecidas férias. Entretanto, há que ver as condições de "renovação" de contrato e planear o futuro.

 

De qualquer forma, a eficácia foi de 100%: 4 taxistas, 4 benfiquistas!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:28

Life Changing Meme

por Antero, em 01.11.08

Seguindo estepostda Cátia, foi-me proposto um daqueles desafios que os bloggers propõem uns aos outros. Regra geral, sou avesso a estas coisas, mas como a Cátia é uma querida e um dia não são dias, desta vez passa. O desafio é abordar aspectos que mudaríamos da nossa vida, como rotinas, projectos ou opções tomadas. Então, tomem lá disto:

 

Fumar

Fumar dá-me prazer, mas não dá saúde nenhuma. Se pudesse nunca teria começado ou, uma vez lançado, não fumaria tanto.

 

Tolerância

Olhando para trás, noto que, em certas ocasiões, não tive a atitude mais sensata que a ocasião exigia. Por outro lado, noutras tantas ocasiões, engoli sapos quando devia ter mandado um murro na mesa e isso deixa-me chateado.

 

Estudos

Não é daquelas coisas que tenham efeitos práticos na actualidade, é mais uma questão moral: não ter dado o litro num determinado teste, naquele trabalho, em X apresentação ou no exame Y (assim por alto, estou-me a lembrar de meia dúzia de situações do género).

 

Curso

Vou ser sincero: se fosse hoje, não tiraria o curso de Novas Tecnologias da Comunicação. Há tantos (e melhores) cursos do género por aí fora. Atenção que eu falo do curso em si (disciplinas, metodologias, alguns professores) e não do resto (Aveiro, colegas, amigos, a Universidade que é muito boa,...).

 

Algumas viagens

Não gosto de viajar. Não estou a falar do facto de visitar novos lugares e essas coisas todas; estou a falar do acto em si, principalmente das secas que se apanham. Alguns locais e estadias compensam o sofrimento, outros nem por isso (estou a lembrar-me de Agadir, Marrocos).

 

Amigos

A lei da vida faz com que cada um siga o seu caminho e se vá perdendo o contacto. No meu caso, a maioria nem faz muita falta. Porém, tenho pena de, hoje em dia, não falar - ou melhor, de não ter aquela confiança de outrora - com algumas pessoas, sendo que muitas delas por razões que não lembram ao Diabo.

 

E isto foi tudo o que me lembrei de momento. Parece que tenho de desafiar alguém, certo? Então, aMartaou oSamuelque parem as suas vidas ocupadas no Mestrado (será mesmo? :p) e se entretenham a fazer isto.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:15

De volta a casa

por Antero, em 15.08.08

Estou sem grande vontade de escrever, muito menos de falar sobre as férias. Acabo de fazer uma viagem de 8 horas de autocarro que, por acaso, até nem custou tanto como a primeira (ah! a ansiedade...). Estou exausto e ainda tenho de arrumar as tralhas. Queria ver se dormia um bocado antes do jogo do Benfica, mas vai ser complicado. Porém, logo à noite, nem o sono me vai impedir de assistir ao novo filme da Pixar, WALL·E. Maxwell Smart, o Mulder e a Scully que me desculpem, mas vão ter ficar para outro dia. Os próximos dias vão ser para tirar férias das férias e poupar uns trocos, que esta semana deixou-me mais pobre. Aliás, a inflação tem um nome: Algarve! Só mesmo lá para pagar 2 euros (Dois! D-O-I-S!) por um fino (imperial para aqueles lados) banalíssimo e servido num copo de sumo. Volto lá quando for milionário.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:30

Vou fazer-me à estrada

por Antero, em 05.08.08

Literalmente.

 

Esperam-me mais de 8 horas de viagem de autocarro (o horror! o horror!) até chegar à Meca portuguesa, aquele local tão pouco português, mas que consegue ser um dos nossos maiores embaixadores: o Algarve! Mais precisamente para Lagos (sim, foi para aqueles lados que a miúda desapareceu) passar uns dias de sol, praia, noite e muita diversão. Por isso, é provável que o blog não dê sinal de vida nos próximos dias, embora conste que a vizinha do lado não conheça o termo "protecção de redes sem fios", pelo que acesso à Internet não será problema. Volto a casa no final da próxima semana.

 

Mas antes da bonança, vem a tempestade.

 

Amanhã terei de me deslocar a Aveiro para tratar do meu certificado de habilitações. Fiz o pedido pela Internet há mais de mês, mas uma amiga minha falou-me que eles andam a perder requerimentos, quer em papel quer feitos online. E depois não mexem uma palha para acelarar o processo de requisição, porque muita gente precisa dele o mais rápido possível. Até estava para telefonar a clarificar a situação, mas depois dessa minha amiga levar 3 horas até lhe atenderem o telefone, acho que prefiro tratar disto cara a cara. Ao menos, vejo a cara da pessoa com a qual reclamo, discuto e esbracejo (não seria a primeira vez).

 

Por outro lado, até que será divertido avaliar e ver qual a pior: uma viagem de 8 horas de autocarro ou umas belas e longas horas passadas nos Serviços Académicos?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:40


Alvará

Antero Eduardo Monteiro. 30 anos. Residente em Espinho, Aveiro, Portugal, Europa, Terra, Sistema Solar, Via Láctea. De momento está desempregado, mas já trabalhou como Técnico de Multimédia (seja lá o que isso for...) fazendo uso do grau de licenciado em Novas Tecnologias da Comunicação pela Universidade de Aveiro. Gosta de cinema, séries, comics, dormir, de chatear os outros e de ser pouco chateado. O presente estaminé serve para falar de tudo e de mais alguma coisa. Insultos positivos são bem-vindos. E, desde já, obrigado pela visita e volte sempre!

Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Armazém

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D