Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




LOST: uma nova oportunidade

por Antero, em 12.03.10

ALERTA DE SPOILER! Este post contém informações relevantes, pelo que é aconselhável que só leiam caso estejam a par da exibição norte-americana.

 

 

LOST 6x07: Dr. Linus

Os episódios centrados em Benjamin Linus estão entre os melhores de toda a série e este não é excepção. Calculista, manipulador e ambicioso, Ben surgiu como o grande antagonista de LOST na segunda e na terceira temporada, sendo depois desenvolvido como um anti-herói, alguém em que não sabemos se devemos confiar, uma vez que as suas intenções são sempre obscuras. Mérito para os argumentistas e para Michael Emerson que o interpreta com uma dedicação ímpar. Porém, desde a morte de Alex que algo mudou: Ben procura uma redenção pelos seus actos e as suas consequências, conseguindo-a - pensava ele - emDead Is Dead. No entanto, ele viu-se como mero peão num tabuleiro maior do que ele previra, algo fatal num indíviduo sedento de poder. Como Ben declara na comovente conversa com Ilana, ele deixou que a sua sede de controlo pela Ilha se sobrepusesse a tudo o resto, mesmo ao amor que sentia pela filha adoptiva e que encontrou um destino cruel no processo. Voltar para junto de Locke seria aceitar a sua condição de mero instrumento e nunca abraçar a redenção na sua plenitude, mas, mesmo assim, ele decide tentar.

 

Na realidade paralela, vemos a redenção de Ben como nunca seria possível na linha temporal "normal". Ele é um professor dedicado, preocupado com os seus alunos e com o ambiente escolar e que cuida do pai enfermo que, por sua vez, não tem qualquer tipo de ressentimento para com o filho (e o pormenor do pai de Ben se manter vivo com oxigénio, quando já o víramos a ser assassinado com gás tóxico revela uma ironia narrativa sensacional). Uma das suas melhores alunas é precisamente Alex, que guarda imenso respeito por ele. Ele é quase como uma figura paterna para a jovem e ver Ben a tomar uma decisão que eleva os interesses dos outros acima dos seus é testemunhar a evolução da personagem, mesmo que ela ocorra numa realidade alternativa. Também foi óptimo rever o Artz e aturar o seu eterno mau-humor e perceber como Locke ainda se dispõe a seguir Ben e a tomá-lo como líder - um comportamente que, sabemos nós, levou-o à morte.

 

E se tudo isto seria o suficiente para marcar este sensível episódio como o melhor da temporada (até agora), ainda temos a fabulosa cena no interior do Black Rock, onde vemos Jack a dar um verdadeiro "salto de fé" e a abraçar de vez a natureza misteriosa da Ilha e a missão de Jacob, naquela que é a personagem mais bem desenvolvida desde o início da série. Tivemos direito também a referências a Paulo, Nikki e aos malfadados diamantes, mostrando a inteligência dos produtores da série em incluir detalhes de forma orgânica à narrativa. Nos últimos segundos, a cereja no topo do bolo: depois de uma cena de reencontro que remete aos primórdios do programa (e a música de Michael Giacchino - recentemente galardoado com um Oscar - é sempre excelente), vemos Widmore a caminho da Ilha, disposto a reclamar o que é seu nesta guerra. Resta saber de que lado é que ele estará.

 

10 potes de banha

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:35


2 comentários

Imagem de perfil

De jonasnuts a 17.03.2010 às 09:19

Este post está em destaque na Homepage do SAPO, tab "TV".
Imagem de perfil

De José Coelho a 18.03.2010 às 09:10

Dos melhores comentários que eu tenho lido na net sobre os episódios da minha série favorita. Parabéns! Vou segui-lo atentamente.

Comentar post



Banha de Cobra

Alvará

Antero Eduardo Monteiro. 30 anos. Residente em Espinho, Aveiro, Portugal, Europa, Terra, Sistema Solar, Via Láctea. De momento está desempregado, mas já trabalhou como Técnico de Multimédia (seja lá o que isso for...) fazendo uso do grau de licenciado em Novas Tecnologias da Comunicação pela Universidade de Aveiro. Gosta de cinema, séries, comics, dormir, de chatear os outros e de ser pouco chateado. O presente estaminé serve para falar de tudo e de mais alguma coisa. Insultos positivos são bem-vindos. E, desde já, obrigado pela visita e volte sempre!

Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Armazém

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D