Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Verduras para todos

por Antero, em 08.07.09

Ler os testemunhosdesteblog é algo revoltante. É inacreditável como uma boa ideia para uma minoria como são os Recibos Verdes sai fora do controlo e permite situações de falta de respeito para com o trabalhador, abusos de poder e uma constante tendência para usar os buracos do sistema em proveito próprio. Cabe na cabeça de alguém descontar tanto para a Segurança Social e pagar impostos e não usufruir dos mesmos direitos que os restantes?! Onde anda o Tribunal do Trabalho para agir em conformidade nas inúmeras situações ilegais que estão sujeitos, há vários anos, milhares de trabalhadores? E o Governo, tão lesto a condenar o trabalho precário e a gabar as melhorias na fiscalização, não nota que há pessoas a passar recibos para as mesmas empresas anos a fio? Claro que isto não é de admirar num Estado que, além do facto de ter pressa em receber mas hibernar para pagar o que deve, tem a seu cargo milhares de trabalhadores a Recibos Verdes (uma designação já de si idiota, uma vez que eles são tudo menos verdes), nomeadamente em Centros de Novas Oportunidades e nas Actividades Extra Curriculares. Boas ideias, sim senhor, mas há que analisar o reverso da medalha.

 

Só espero nunca chegar ao ponto desesperante de algumas pessoas cujos testemunhos li com imenso choque. A Tugalândia está cada vez mais deprimente.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:33



Banha de Cobra

Alvará

Antero Eduardo Monteiro. 30 anos. Residente em Espinho, Aveiro, Portugal, Europa, Terra, Sistema Solar, Via Láctea. De momento está desempregado, mas já trabalhou como Técnico de Multimédia (seja lá o que isso for...) fazendo uso do grau de licenciado em Novas Tecnologias da Comunicação pela Universidade de Aveiro. Gosta de cinema, séries, comics, dormir, de chatear os outros e de ser pouco chateado. O presente estaminé serve para falar de tudo e de mais alguma coisa. Insultos positivos são bem-vindos. E, desde já, obrigado pela visita e volte sempre!

Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Armazém

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D