Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Maldição tecnológica

por Antero, em 08.09.08

Eu devo ser o Novo Tecnólogo da Comunicação menos característico possível. Primeiro, nunca estou a par de nada: a semana passada, foi lançado o novo browser da Google e eu a nadar no assunto; há poucos dias, apareceu uma notícia do Second Life na RTP e eu para mim: Isto ainda existe?. Segundo, sou muito avesso a novas actualizações nos programas que utilizo: o meu iTunes estancou há cerca de 5 versões e só instalei o Mozilla Firefox 2 (vejam só, o dois!) porque estava com problemas com o plug-in do Quicktime. Depois, nunca fui fã de jogos de computador (aguentei o Age of Empires II uma tarde e fartei-me), a programação sou pouco mais que zero à esquerda e se me falha o CD de instalação de um hardware qualquer está o caldo entornado.

 

Isto tudo porque um amigo meu emprestou-me um router que ele já não precisava e como ter uma rede sem fios cá em casa até dá bastante jeito, tratei de o instalar hoje de manhã. Bem, o mal não pode ser meu porque segui os passos todos e mais alguns, mas ele não funciona. O meu portátil, aqui mesmo ao lado, não detecta nenhuma rede. E poucas coisas me irritam tanto como ver um aparelho com as luzes certas todas ligadas e nada funcionar! No entanto, no computador cá de casa continuei com a ligação por cabo (agora através do router) e não custa nada testá-la, certo? Comecei por ligar o YouTube para carregar uns vídeos em simultâneo e iniciei o download do episódio desta semana do Entourage.

 

Apanhei um susto! A net ficou relativamente mais lenta, mas isto já era esperado. No entanto, o download encravou umas 5 vezes, pelo que tive de pausar e retomar o mesmo em cada uma delas. Com o YouTube foi pior: poucos vídeos carregavam até ao fim e aqui não havia "pausar e retomar": toca a actualizar a página! Sinceramente, já começo a desconfiar se quero mesmo uma ligação sem fios cá em casa: se com cabo é assim, fará com wireless e ainda por cima no meu portátil que já suspira pela sucata. E o pior é que nem tenho a certeza se a rede tem alcance na casa toda.

 

Porém, acho que isto tudo está relacionado com uma certa maldição lançada sabe-se lá por quem sobre a minha casa. Diz a mesma que nenhum aparelho cá em casa está imune a defeitos e, mais cedo ou mais tarde (normalmente, é a primeira), começam os estragos. Já foram computadores, portáteis, televisores, telemóveis, a powerbox da TV Cabo, leitores de DVD, uma pen, aparelhagens, um disco externo (ok, o problema deste era não ser resistente à força da gravidade) e até o micro-ondas. Não há por aí uma alma caridosa que queria exorcizar este espaço? Como estou desempregrado, o pagamento fica por um eterno agradecimento. Chega?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:50


5 comentários

Sem imagem de perfil

De catia a 08.09.2008 às 16:50

Ai tero, térinho...
Tás tramado! Tens que chamar aí alguém de Vilar de Perdizes que trata-te logo do assunto com uma macumbazita :)
Agora fiquei foi na dúvida: "desempregado"? O termo mais correcto não será "licenciado à espera do primeiro emprego"?
Imagem de perfil

De Antero a 08.09.2008 às 19:03

Eu tenho um curso, mas não tenho emprego. O contrário de empregado é desempregado. Isso do "licenciado à espera do primeira emprego" são balelas para minimizar possíveis depressões. :p
Sem imagem de perfil

De catia a 08.09.2008 às 19:12

Tá bem, aceito, mas pode induzir em erro :D
Sem imagem de perfil

De Nuno a 10.09.2008 às 00:00

Desempregado é estado oposto a estar-se empregado. Como tu ainda não estiveste empregado, não és desempregado. Tadinho dos electrodomésticos :p
Sem imagem de perfil

De Manek a 16.09.2008 às 12:04

Não conhecia a "assoalhada" mas gostei. E já agora notícias fresquinhas:
Acabo de saber que já há jogos com touch screen para o Omnia Samsung i900 da TMN: Block Breaker Deluxe 2, Ferrari World Championship, Midnight Pool 2, New York Nights 2, Platinum Solitaire.
Também já há o jogo Bubble Bash, compatível com SonyEricsson K770i, K800i, S700i, W580i e W880i.

Comentar post



Banha de Cobra

Alvará

Antero Eduardo Monteiro. 30 anos. Residente em Espinho, Aveiro, Portugal, Europa, Terra, Sistema Solar, Via Láctea. De momento está desempregado, mas já trabalhou como Técnico de Multimédia (seja lá o que isso for...) fazendo uso do grau de licenciado em Novas Tecnologias da Comunicação pela Universidade de Aveiro. Gosta de cinema, séries, comics, dormir, de chatear os outros e de ser pouco chateado. O presente estaminé serve para falar de tudo e de mais alguma coisa. Insultos positivos são bem-vindos. E, desde já, obrigado pela visita e volte sempre!

Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Armazém

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D